11 de julho de 2017 – Dia de LUTO para nós trabalhadores/as

Sueli Veiga comenta a aprovação da terrível Reforma Trabalhista

Hoje (11), 50 Senadores, INIMIGOS do POVO, deram FIM à CLT e aos DIREITOS trabalhistas: contrato de trabalho, jornada de 8h, férias, 13o, licença maternidade, licença paternidade, final de semana remunerado, seguro desemprego, aviso prévio, horas extras e outros… É o FIM dos DIREITOS dos trabalhadores!
E o pior virá pela frente, na hora de colocar a reforma em prática, pois as mudanças atingem mais de 100 artigos da CLT. Portanto, tem muita coisa que ainda nem tomamos conhecimento e vai nos atingir.
Triste POVO trabalhador desse Brasil…
País colonizado pelos capitalistas europeus, que há 500 anos extraem as nossas riquezas, exploram e escravizam o povo e levam tudo o que conseguem arrancar para o exterior para obter mais lucros e viver nababescamente…
O mais triste é que é sempre de comum acordo com a elite brasileira que entrega tudo: o povo, as riquezas, os diretos para continuarem mantendo seus privilégios…
Hoje, a elite brasileira vendeu mais uma vez os DIREITOS do POVO para garantir o LUCRO dos empresários nacionais e estrangeiros.
O FIM da CLT é para que os EMPRESÁRIOS possam LUCRAR mais às custas do suor e das mãos calejadas dos trabalhadores (as)!
Estou profundamente triste pelas nossas crianças e jovens que terão um futuro pior que nós tivemos!
Para mim, o único alento é que fizemos a nossa parte! Só este ano foram muitas, intensas e espetaculares mobilizações onde paramos e fomos para as ruas contra a reforma trabalhista e previdenciária:
15/03 – Greve Geral
31/03 – Mobilização Nacional.
28/04  – Greve Geral
24/05 – Mobilização Nacional
30/06 – Greve Geral
Perdemos uma batalha! Mas, continuamos a luta! Como diz, a música da Mercedes Sosa: “Se um só traidor pode mais que um povo. Que esse povo não esqueça facilmente”!
Sueli Veiga Melo – FETEMS e CUT!
#ForaTemer #ForaGolpistas! #ForaSimoneTebet. #ForaMoka! #ForaPedroChaves

Artigo escrito por: Sueli Veiga CUT nacional