BOLETIM INFORMATIVO SINPSI-MS | SEGUNDO SEMESTRE DE 2018

Segundo Semestre de 2018

O segundo semestre de 2018 foi um período de muitos desafios para a categoria. Além de dedicar tempo para repensar a nossa organização sindical a atual conjuntura política do país exigiu muita articulação e mobilização para enfrentar o avanço conservador de retirada de diretos que está em curso! Segue abaixo algumas das nossas ações nesse período:

Organização Sindical

-No dia 12 de julho de 2018, aconteceu no auditório da Escola do SUAS/MS “Mariluce Bittar” em Campo Grande-MS o Seminário “Gestão do Trabalho e Educação Permanente no âmbito do SUAS em Mato Grosso do Sul”. A valorização da formação profissional com impactos sociais, éticos e políticos gerados pelos processos de trabalho e pelas práticas profissionais no SUAS foi a principal pauta da atividade e contou com a participação do SINPSI-MS – Sindicato das/os Psicólogas/os de Mato Grosso do Sul.

-No dia 30 de agosto SINPSI-MS soltou Circular sobre as demandas do Judiciário às Psicólogas! A entidade tem acompanhado as demandas oriundas de órgãos do judiciário à Psicólogas/os que atuam em políticas públicas como Educação, Saúde e Assistência Social. Tal Circular comunicou à categoria sobre a importância de informar ao Sindicato sobre condições aviltantes de que acontecido fruto dessas relações para que para que se possa buscar a proteção necessária das/os Psicólogas/os.

-Durante o último semestre várias articulações aconteceram no sentido de retomar o funcionamento da Mesa de Participação e Negociação Permanente do Sistema Único de Saúde de Campo Grande. O SINPSI-MS, através da representação do psicólogo Paulo Godofredo Barbosa de Carvalho, foi um ator importante nessa construção.

O SINPSI-MS firmou convênio com a São Francisco Saúde para proporcionar à categoria profissional das/os Psicólogas/os uma assistência médica e odontológica com valor diferenciado no mercado. Para ter acesso a qualquer um dos benefícios, a/o Psicóloga/o deve estar em dia com suas contribuições e apresentar carta de encaminhamento fornecida pela entidade.

Fenapsi é empossada no Conselho Nacional de Saúde. A Federação é o primeiro membro suplente do segmento de entidades nacionais dos profissionais de saúde (que inclui a comunidade científica da área) e retorna a representação do controle social da Saúde em um momento crucial de enfrentamento para defender o SUS – Sistema Único de Saúde.

Articulação Política

-Compreendendo o Dia Nacional da Saúde (5 de agosto) e o Dia da/o Psicóloga/o (27 de agosto), a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul com a proposição do deputado estadual Pedro Kemp, em conjunto com o SINPSI-MS e o CRP-14/MS – Conselho Regional de Psicologia – 14ª Região/Mato Grosso do Sul promoveram a Audiência Pública “A Política de Saúde Mental e a atuação das Psicólogas e dos Psicólogos”. Tal agenda contou o objetivo de discutir a prestação de serviços de saúde mental e o papel das/os profissionais da Psicologia contando com a participação de trabalhadoras/es de todo o estado.

-A CUT realizou sua Plenária Interestadual no dia 17 de julho, na sede da FETEMS em Campo Grande. A agenda chegou a reunir mais de 120 pessoas, entre lideranças sindicais Cutistas, de movimentos sociais e partidos políticos de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, além do Distrito Federal e Goiás. Foi um grande momento de debate e preparação para o Dia do Basta que aconteceria em todo o Brasil no 10 de agosto.

Audiência Pública discutiu em Brasília a jornada de trabalho de 30 horas semanais para Psicólogas/os! Com a participação de Walkes Jacques Vargas, atual presidente do SINPSI-MS e também secretário de Relações de Trabalho da Fenapsi – Federação Nacional das/os Psicólogas/os, o debate foi sobre o PLS 511/2017, que tramita no Senado Federal desde dezembro de 2017 e agora se encontra na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE), cujo relator da matéria é o senador Paulo Paim (PT/RS).

-A Fenapsi, em conjunto com o Conselho Federal de Psicologia, participaram de reunião sobre a revisão e a atualização da Classificação dos Cursos de Graduação em Psicologia proposta pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). O sistema se presta à construção de dados e estudos comparativos internacionais não interferindo na possibilidade de cada país traçar outras formas de organização e classificação de acordo com suas peculiaridades.

-Para contribuir com o período eleitoral 2018 a Fenapsi divulgou à categoria a íntegra da carta enviada aos candidatos à Presidência da República. Nela, a Federação cobra o compromisso deles em torno de pautas prioritárias para as trabalhadoras e os trabalhadores. No Mato Grosso do Sul não foi diferente, o SINPSI-MS publicou um Manifesto sobre as eleições de 2018 que foi construído no Psicos em Prosa, uma roda de conversa de formação sindical que debateu a atual conjuntura política nacional.

Mobilização Social

Grito das/os Excluídas/os foi realizado em Campo Grande e Dourados com o tema “Desigualdade gera violência, basta de privilégios!” No dia 7 de setembro o 24º Grito dos Excluídos denunciou que a independência não está completa, faltam direitos aos à grande maioria do povo brasileiro, excluídos da dignidade e da justiça social.

-Com o título “Uma lei, golpe duplo!” o SINPSI-MS publicou nota de repúdio se posicionando contra o desmonte no SUS – Sistema Único de Saúde e no SUAS – Sistema Único de Assistência Social com a publicação da Lei 13.714 que altera a LOAS – Lei Orgânica de Assistência Social promovendo a “dispensação de medicamentos e produtos de interesse para a saúde” em unidades da Assistência Social.

O Dia do Basta mobilizou aproximadamente 10 mil pessoas em Campo Grande. As ruas do centro da capital do estado sul-mato-grossense receberam a manifestação de milhares de trabalhadores que foram dar um basta sobre os principais problemas que atingem a classe trabalhadora no país.

-Dia 27 de agosto foi Dia da Psicóloga e do Psicólogo e dos 56 anos da regulamentação da Psicologia no Brasil, por meio da Lei Federal 4.119/62. Em lembrança à data, a Fenapsi participou como homenageada do evento #NossaLutaCria, realizado pelo Conselho Regional de Psicologia da 6ª Região/SP (CRP-SP), na sede da autarquia. Clique aqui para assistir à homenagem.

-Os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos humanos não passou em branco. Em sessão solene com o tema “Ninguém solta a mão de ninguém!”, a data comemorativa foi lembrada em clima de uma cultura da Paz. A proposta do evento saiu das mãos do deputado estadual Pedro Kemp e contou com o apoio do o SINPSI-MS e também o CRP-14/MS.

Clique aqui e acesse outras edições do nosso informativo.

Saudações Sindicais!