PEC 55 é pauta de destaque em roda de conversa da Psicologia

O SINPSI-MS – Sindicato dos Psicólogos de Mato Grosso do Sul, em parceria com o CRP14-MS – Conselho Regional de Psicologia – 14ª Região/MS e a ACP – Sindicato Campo-grandense dos Profissionais da Educação Pública promoveram, na manhã desta sexta-feira (18), na sede da ACP, uma roda de conversa sobre a grande ofensiva de retirada de direitos em que vive o país. Dentre às várias propostas em curso ganha destaque a PEC 55, que está em tramitação no Congresso Nacional. O debate faz parte de um calendário de mobilizações das/os trabalhadoras/es contra a proposta, que é considerada pelas/os sindicalistas como um retrocesso que ameaça os direitos trabalhistas e sociais.

O professor Francisco Santos, militante do CDDH Marçal de Souza – Centro de Defesa da Cidadania e Direitos Humanos e da ACP, explanou sobre os aspectos da PEC do ponto de vista dos movimentos populares, sociais e sindicais. Fabiana Machado, advogada e militante da Marcha Mundial de Mulheres, também chamou atenção para outra proposta que já estava em curso e ganha força nessa atual conjuntura que é o PLC 30 em tramitação no senado que regulariza as terceirizações em atividades-fim. O psicólogo Fernando Faleiros, professor e conselheiro do CRP14-MS, apresenta as propostas que atingem diretamente a profissão de Psicóloga/o com destaque para a PLS 439 que restringe a atuação de psicólogas/os como analistas e gestoras/es de Recursos Humanos.

Toda a categoria presente externou a preocupação com os efeitos de uma aprovação da PEC 55. As/os participantes ressaltaram que várias entidades sindicais e estudantis estão mobilizadas para pressionar o Congresso, assim como as ocupações em escolas, universidades e demais espaços públicos que acontecem em todo o país com o objetivo de repudiar a PEC. É preciso que a categoria tome conhecimento dos retrocessos em curso e construa unidade em conjunto com todas as forças populares contrárias a proposta.

Dentre os encaminhamentos tirados na reunião estão a mobilização da categoria em torno das atividades contra a PEC 55 convocadas pela CUT – Central Única dos Trabalhadores e pela Frente Brasil Popular bem como o apoio irrestrito as ocupações estudantis e a organização de campanha virtual contra a PLS 439. O Psicos em Prosa é uma atividade de debate, reflexão e formação sindical realizado pelo SINPSI-MS frequentemente afim de oferecer rodas de conversa sobre temas da atualidade.