Psicólogas discutem planos de saúde em Assembleia Geral

AtddI6nCOjSjHPSavkWhLEktxRbdH2DrOwAAE_Zb7Hk1O SINPSI-MS – Sindicato dos Psicólogos de Mato Grosso do Sul realizou nesse sábado, dia 11 de abril, uma Assembleia Geral para debater pautas emergentes para a categoria. A agenda aconteceu na sede da CUT-MS – Central Única dos Trabalhadores de Mato Grosso do Sul e contou com a participação do jornalista João Carlos Costa que ajudou nas discussões apresentando uma breve análise de conjuntura política do país. Dentre as pautas a serem debatidas, estavam: Jornada de Trabalho de 30 horas; e Planos de Saúde.

Para Walkes Vargas, diretor do SINPSI-MS, “a Assembleia foi um importante momento de unidade e construção coletiva das bandeiras de lutas da categoria. Muitas colegas estão trabalhando diariamente atendendo pacientes vinculados aos planos de saúde. Portanto, da mesma forma que a questão da jornada de 30 horas, a pauta dos planos de saúde é uma questão que está no dia-a-dia da trabalhadora da psicologia, principalmente as que atuam na área clinica.”.

Dentre os mais diversos encaminhamentos, a Assembleia deliberou principalmente pela retomada imediata da luta pela jornada de trabalho de 30 horas semanais para psicólogos no Brasil, no Mato Grosso do Sul e nos municípios do interior do estado, bem como a criação de um GT (Grupo de Trabalho) que irá pesquisar a fundo a situação das/os psicólogas/os credenciadas/os nos planos de saúde.